Os clubes chineses entraram como os grandes favoritos para a Liga dos Campeões da Ásia nesta temporada e os motivos são fáceis de entender. Gastaram milhões em contratações e isso se reflete na lista dos jogadores mais valiosos do torneio, segundo o TransferMarkt. Dentre os 15 jogadores primeiros da relação, 12 são de equipes do país, com Oscar e Hulk, do Shanghai SIPG, liderando. Os outros três são do Oriente Médio (Éverton Ribeiro do Al Ahli; Mirko Vucinic, do Al Jazira; Jorge Valdívia, do Al-Wahda).

LEIA TAMBÉM: Há um ano sem jogar, Essien encontra um novo clube: o Persib Bandung, da Indonésia

Os 100% de aproveitamento do Shanghai SIPG seguem na Liga dos Campeões da Ásia e Hulk tem muito a ver com isso. Vestindo a camisa 10 do time chinês, o brasileiro é o destaque. Nesta quarta-feira, ele marcou um dos gols e participou de outro na vitória por 3 a 2 sobre o Urawa Red Diamonds, um dos melhores representantes japoneses.

O gol de Hulk foi bastante característico. O atacante carregou a bola, passando pela marcação, entrou na área e chutou com força, marcando o terceiro gol do time. Era início do segundo tempo e os chineses já abriam 3 a 0. Depois, no final, ainda tomaria dois gols, mas garantiria a vitória mesmo assim. Outro brasileiro, o centroavante Elkeson, também tem se sobressaído. Ele marcou pela segunda vez na competição, em uma saída de bola errada dos japoneses.

Só duas equipes têm 100% de aproveitamento depois de três rodadas na Liga dos Campeões da Ásia. Além do Shanghai SIPG, outro time chinês, o Jiangsu Suning, de Ramires e Alex Teixeira. Também nesta quarta, o Jiangsu venceu o Gamba Osaka fora de casa, no Japão, por 1 a 0. Gol de Ramires.

Entre os postulantes mais badalados, o Guangzhou Evergrande, de Felipão, Paulinho, Ricardo Goulart e Alan, só empatou nesta quarta com o Kawasaki Frontale por 1 a 1, com um gol nos acréscimos. Alan, autor do tento, é um dos que balançaram as redes três vezes no torneio e lidera a artilharia.

Os japoneses estão mais fortes, os times do Oriente Médio tentam chegar ao título. Mas os chineses são os favoritos e lideram os seus grupos. Ao que tudo indica, serão os que brigarão no mata-mata para chegar às cabeças.