A torcida do Colo Colo não é conhecida como “a metade mais um” à toa. Os Albos possuem, com certas sobras, a massa mais numerosa do Chile. E que estava carente de títulos. Mas depois de cinco anos de jejum, enfim, o Cacique voltou a festejar uma conquista. A equipe disparou no Clausura 2014 para ficar com a taça com duas rodadas de antecedência. Um triunfo, sobretudo, bastante simbólico: afinal, os maiores campeões locais chegaram ao seu 30º título do Campeonato Chileno.

Diante de um mambembe Santiago Wanderers, a festa no Estádio Monumental David Arellano era praticamente certa. Mesmo com a vitória da Universidad Católica no dia anterior, bastava ao Colo Colo vencer os penúltimos colocados para confirmar a conquista. Foi o que fizeram com o 1 a 0 no placar, gol decisivo de Felipe Flores. Um resultado que apenas desencadeou a comemoração dos mais de 40 mil torcedores que pintaram as arquibancadas de branco. Uma enorme celebração, do tamanho da tradição do Cacique e do significado dessa nova taça.

Leia também

>>> Impedimento: Colo Colo, el Más Camp30n