A Fifa tomará uma decisão sobre os incidentes ocorridos após a partida entre Turquia e Suíça, pela repescagem da Copa, apenas no início de 2006. A entidade havia anunciado a intenção de divulgar um parecer antes do sorteio dos grupos para a Copa, em Leipzig, no dia 9 de dezembro.

Na próxima segunda, serão iniciadas as audições com os envolvidos na confusão. Jogadores e membros da comissão técnica turca serão os primeiros a dar depoimento. Após a classificação da Suíça para o Mundial, os jogadores foram agredidos dentro do vestiário, em Istambul. Stéphane Grichting teve o canal urinário perfurado por conta de um chute.

O comitê disciplinar da Fifa também decidirá se incluirá no meio das investigações o tratamento recebido pelos suíços no desembarque na Turquia. Quando a seleção chegou ao país, foi recebida com faixas hostis.