O Germinal Beerschot trocou de técnico nesta quinta. Após a derrota sofrida ontem para o lanterna Cercle Brugges por 3 a 0, pelo campeonato belga, o treinador Marc Brys recebeu o bilhete azul. Para o seu lugar, o time trouxe Jos Daerden, ex-auxiliar técnico do Genk.

Brys levou a equipe à conquista da Copa da Bélgica do ano passado, mas não resistiu ao começo ruim nesta temporada. Em sete rodadas, o time de Antuérpia somou apenas quatro pontos, em penúltimo lugar.

´´Foi uma decisão difícil, mas tínhamos que tomá-la. Os decepcionantes resultados das últimas semanas não nos deixaram escolhas. Agradecemos a Marc pelo sucesso na Copa e lhe desejamos o melhor´´, disse Jos Verhaegen, presidente do clube.

Daerden, antes de sua passagem pelo Genk, comandou o rebaixado Mons-Bergen na temporada passada.