Decisivo em mais uma final de Champions League, o galês Gareth Bale ganhou as manchetes com o 13º título do Real Madrid. Vindo do banco, o camisa 11 dos merengues entrou em campo, marcou um gol de meia bicicleta e ainda marcou um segundo, em falha do goleiro Karius. Foi crucial na vitória por 3 a 1 e na decisão do título. Ainda em situação incerta no Real Madrid, ele ganhou elogios de um doso grandes do seu país: Ryan Giggs.

LEIA TAMBÉM: Gareth Bale rasgou a etiqueta e deixou uma marca indelével na final da Champions – talvez, seu último ato

Aos 28 anos, Bale chegou ao Real Madrid em 2013 e foi peça-chave para o título da Champions League da temporada 2013/14, marcando inclusive na final. Participou também dos títulos de 2015/16 e 2016/17 antes de brilhar novamente em 2017/18. O seu gol na decisão contra o Liverpool, marcado quando o placar apontava 1 a 1, foi elogiado pelo técnico Zinedine Zidane, que declarou que foi um gol mais bonito que o dele na final da Champions de 2002.

“Ele é o melhor jogador galês que eu já vi”, afirmou Giggs, atual técnico da seleção de Gales. “Obviamente eu não vi John Charles jogar e muitos outros daquele tempo. Mas grandes jogadores aparecem nos momentos certos e fazem a diferença e ele fez isso duas vezes em finais de Champions League. E para ganhar quatro, ir para o Real Madrid e ter sucesso, ele tem que ser [o melhor]”.

Giggs assistiu à final da Champions League na concentração da seleção galesa, em um hotel de Los Angeles, onde o time se prepara para o amistoso contra o México, na terça-feira. O ex-jogador do Manchester United contou que todo mundo comemorou muito quando o galês marcou o golaço de bicicleta.

“O time e toda a comissão técnica estavam assistindo e quando a bola entrou, a sala entrou em erupção”, contou Giggs. “Foram cenas incríveis e foi ótimo que todo o time pôde assistir e comemorar juntos. Foi um desses gols que você diz apenas ‘uau’ e é um dos melhores gols da Champions League de todos os tempos. Teve um impacto incrível, mas você não fica tão surpreso pelo que Gareth é capaz e pelo que ele já atingiu”.

Com contrato até junho de 2022, Bale disse que precisa de uma sequência e disse que vai avaliar, junto com o seu empresário, as possibilidades para a próxima temporada. Ele é frequentemente especulado no Manchester United e recentemente teve seu nome ligado ao Bayern de Munique.

“Eu sempre mantive que ele parece feliz no Real Madrid. É um grande clube e de muito sucesso. É escolha de Gareth. Ele fez a diferença em uma final de Champions League. Se isso terá alguma importância [na sua permanência], eu não sei. Nós teremos que esperar e ver”, analisou Giggs.