O Tottenham não fez questão de mostrar que pensava na vitória contra o Chelsea. Preferiu se acomodar na possibilidade de sair de Stamford Bridge sem a derrota, torcendo para os Blues não ainda estarem desanimados após a eliminação da Liga dos Campeões. A igualdade já era dada como certa até que o zagueiro Gallas acertou um improvável chute de fora da área e acabou com as esperanças dos Spurs.

A vitória por 2 a 1 fez justiça ao Chelsea, que teve a iniciativa do jogo desde o início. O primeiro gol da partida, de Essien aos 14 minutos, foi resultado justamente desse ímpeto do líder do Premiership.

No entanto, os azuis reduziram seu ritmo após o gol e a partida entrou em relativo equilíbrio. O Tottenham teve espaço para restabelecer o empate, o que acabou ocorrendo com um gol de Jenas no último minuto do primeiro tempo.

O segundo foi morno, com o Tottenham fazendo questão de tornar a partida desinteressante e o Chelsea pouco disposto a fazer algo diferente. Até que, nos últimos minutos, os Blues pareceram se lembrar de que os três pontos seriam importantes para reverter os ânimos após a queda diante do Barcelona na Liga dos Campeões.

A equipe da casa voltou a pressionar. Quase virou aos 43 minutos, com um chute frontal de Drogba acertando a trave esquerda de Robinson. Quando o tempo para tentar a vitória já era escasso, Duff encontrou Gallas pela esquerda. O francês cortou dois zagueiros na busca por um clarão que permitisse o arremate. O chute foi forte e certeiro no canto, sem possibilidades para o goleiro da seleção inglesa. E o Chelsea assegura que, por mais uma rodada, não verá a diferença de 15 pontos para o vice-líder Manchester United diminuída.

O outro jogo da rodada não reunia times com aspirações européias, mas também era um duelo regional, com importância aumentada pelo fato de ser decisivo na disputa contra o rebaixamento. A partida entre o Birmingham City – 18º colocado, com 23 pontos – e West Bromwich Albion – 17º, com 26 – foi equilibrada e o 1 a 1 final foi justo.

Jogando em casa, o Birmingham saiu na frente com um gol de pênalti de Forsell aos 4 minutos do segundo tempo. Ellington, que acabara de entrar no lugar de Inamoto, fez o gol de empate 21 minutos depois. Com esse empate, as duas equipes continuam na mesma situação na fuga da Segunda Divisão, com o West Brom fora da zona de perigo, três pontos à frente do por enquanto rebaixado Birmingham City.

A 29ª rodada do Campeonato Inglês terá ainda mais cinco partidas neste sábado. No domingo, a expectativa é para o duelo entre Arsenal e Liverpool em Highbury.