Os jornais alemães fizeram duras críticas à seleção após o amistoso de ontem, contra a China. Apesar da vitória por 1 a 0 no amistoso, sobraram reclamações e prevalece o clima pessimista para a Copa.

Para o Bild, a situação é grave. “A Alemanha se afunda um pouco mais na crise. Com tal performance, dentro de oito meses não poderemos fazer nada contra Brasil, Argentina e Holanda. A ambição de conquistar o Mundial pode ficar até mesmo na primeira fase”.

A publicação ainda colocou a ausência de Ballack como um dos pontos-chave para o desempenho abaixo do esperado. “Este amistoso mostrou que sem Ballack a Alemanha não vale grande coisa. É preciso esperar agora que ele não se machuque para o Mundial”.

Já o Kicker classificou a apresentação como “insuficiente”. “Apesar do domínio territorial, o time conseguiu impor seu jogo de forma esporádica”. O Berliner Zeitung reforçou o clima ruim. “Este deveria ser o confronto que permitiria aos jovens jogadores da Alemanha entrar em uma nova era de otimismo, mas não deu em nada”.