O Newport County, da quarta divisão, realizará o sonho de qualquer clube pequeno da Inglaterra: enfrenta o Tottenham, em Wembley, nesta quarta-feira, no replay da Copa da Inglaterra. Apenas a ocasião é o bastante para ser um dia inesquecível. Mas o meia Sean Rigg, de 29 anos, tem outros planos e outros sonhos. Quer se tornar uma estrela da tatuagem e achou que este era o momento de se dedicar à nova carreira. E, por isso, rescindiu seu contrato com o County.

LEIA MAIS: Newport County quase impôs vexame gigante, mas Tottenham tem segunda chance

A decisão foi anunciada pelo clube na última segunda-feira, dois dias antes da partida contra o Tottenham, na qual a presença de Rigg já era dúvida. Seus últimos minutos pelo County foram na segunda rodada da Copa da Inglaterra, no começo de dezembro, entrando no final da vitória por 2 a 0 sobre o Cambridge United. Mesmo se não jogasse, poderia viajar com a delegação e aproveitar o clima de um grande jogo no estádio mais lendário da Inglaterra.

Rigg, que chegou do Wimbledon em 2016, assinou com o Bath City, da sexta divisão, um clube semi-profissional que lhe dará mais tempo para aprimorar a técnica de marcar a pele das pessoas com tinta. “Disse a Sean que queria que ele ficasse. Ele tomou a decisão há algum tempo de que queria jogar meio período para buscar a carreira de tatuador. Eu tentei convencê-lo a mudar de ideia, mas ele é esperto e simplesmente não está mais tão apaixonado pelo jogo. Ele estava pensando no futuro, e acho que este é um momento ideal para que ele busque o sonho de ser um tatuador”, disse o técnico Michael Flynn.

Flynn agradeceu Rigg pelos seus seis gols em 50 partidas pelo Newport County e por ter ajudado o clube a escapar do rebaixamento na temporada passada – que o clube caracteriza como “A Grande Fuga” por ter garantido a permanência na quarta divisão na última rodada, após estar a 11 pontos de distância da salvação.

“Ele foi incrível comigo. Nunca me causou nenhum problema e queria mantê-lo. Em seus melhores dias, Sean era muito valioso para nós, infelizmente ele teve algumas lesões nesta temporada e não conseguiu atingir o melhor da sua forma. Foi um momento frustrante para ele, mas não tenho nada de ruim para dizer sobre ele. Ele teve um papel importante naquela temporada e tenho certeza que vamos nos manter em contato”, disse Flynn.

Após o empate por 1 a 1, em casa, o Newport County busca a zebra ainda maior de eliminar o Tottenham, em Wembley. Mas, para isso, precisará melhorar seus resultados. Não vence há três partidas pela League Two, com um empate e duas derrotas.