Argélia

M’Bolhi – 7

Foi bastante exigido, e apareceu bem sempre.

Mandi – 5,5

Por seu lado a Rússia teve muito espaço no primeiro tempo, mas se recuperou no segundo.

Belkalem – 6,5

Marcou mal Kokorin no gol russo, mas depois se estabilizou e foi importante fechando os espaços no final da partida.

Halliche – 6

Também teve problemas no primeiro tempo, mas cresceu quando a Rússia fez a pressão nos minutos finais.

Mesbah – 5,5

As duas laterais foram vulneráveis ao ataque russo, e com Mesbah não foi tão diferente do que ocorrera com Mandi na direita.

Medjani – 6,5

Melhor opção de saída de bola da Argélia.

Bentaleb – 5,5

Sofreu um pouco sempre que os russos tentavam impor alguma pressão ao meio-campo argelino.

Feghouli – 7

Usou sua velocidade para buscar espaços e carregar a Argélia ao ataque. Fez boa dupla com Brahimi.

Brahimi – 7,5

O melhor em campo. Conduziu as jogadas ofensivas da Argélia a partir do gol russo. Ainda deu a assistência para o gol de Slimani.

(Yebda – 6)

Entrou para segurar o jogo, e foi útil compondo a linha de quatro do meio-campo que fechou os espaços da Rússia na intermediária.

Djabou – 6

Jogador mais discreto do sistema ofensivo da Argélia. Não comprometeu, mas ficou abaixo do nível de seus companheiros.

(Ghilas – sem nota)

Ficou pouco tempo em campo.

Slimani – 7

Criou muitas dificuldades para a defesa russa, mesmo no primeiro tempo. Foi premiado com o gol.

(Soudani – sem nota)

Ficou pouco tempo em campo.

Rússia

Akinfeev – 4,5

Fez uma grande defesa, em uma jogada que foi invalidada por impedimento. De resto, falhou feio no gol e ainda mostrou-se inseguro. Pareceu jogar a Copa sem confiança.

Kozlov – 4,5

Muito mal na defesa. A Argélia fez a festa em seu setor, sobretudo no segundo tempo.

Berezutski – 5,5

Até começou bem, sobretudo para bloquear arremates adversários, mas a velocidade do ataque argelino dificultou sua vida. Acabou ficando fora do tempo em algumas jogadas.

Ignashevich – 6

Foi muito bem para salvar a Rússia do sufoco em bolas que ficavam pipocando na área.

Kombarov – 6

Muito mais efetivo que Kozlov, tinha boa saída de bola e acabava concentrando os chuveirinhos no momento de desespero. Mas seu pé não estava tão calibrado.

Samedov – 7

O melhor da Rússia. Saía bem pela direita, levando sua equipe para o ataque e tentando criar jogadas para Kerzhakov e Kokorin.

Glushakov – 5

Começou bem e foi apagando na medida em que a Argélia cresceu.

(Denisov – 5,5)

Deu mais toque de bola à Rússia, ainda que tenha produzido pouco.

Faizulin – 6,5

Quando Samedov não conseguia sair, Faizulin era a única opção viável. Acabou ofuscado quando a Rússia recuou demais.

Shatov – 5

Desempenho muito fraco. Criou pouco, não se apresentou.

(Dzagoev – 5)

Entrou para ajudar os russos a recuperarem a vantagem no marcador, mas foi tão sumido que não deu uma finalização sequer.

Kokorin – 6,5

O melhor do ataque russo. Movimentou-se bem e abriu espaços. Além disso, fez boa parceria com Samedov.

Kerzhakov – 5,5

Apresentou-se bem para o jogo, mas a execução não era das melhores.

(Kanunnikov – sem nota)

Ficou pouco tempo em campo.

Árbitro

Cuneyt Çakir (Turquia) – 7

Jogo com alguns lances difíceis do ponto de vista disciplinar, mas conduziu bem a partida.