Em grave crise financeira e sem condições para pagar os salários de seus jogadores, o Vitória de Setúbal encontrou uma forma no mínimo alternativa de arrecadar recursos. Dirigentes da equipe pediram que os próprios jogadores divulgassem nesta quarta-feira um comunicado no qual solicitam ajuda aos torcedores para que o clube consiga honrar com seus compromissos.

Chumbita Nunes, presidente do Setúbal, reuniu-se ontem com o elenco e disse aos jogadores não ter como pagar os dois meses de salários atrasados. “Não acredito no que está acontecendo com o Vitória. As dificuldades aumentam e, se aparecer alguém com soluções, para o bem do clube, saio no mesmo dia”. Os atletas também estão sem receber o prêmio pela conquista da última Taça de Portugal.

No comunicado, os atletas pedem a ajuda da população. “Chegou a altura que entendemos ser de vital importância que todas as forças vivas da cidade e da região se debrucem sobre o drama por nós vivido, e nos ajudem a continuar com o mínimo de condições para prosseguir este trajeto brilhante que tem caracterizado este início de temporada”.

O time está em sexto lugar no Português, com dez pontos ganhos em seis rodadas.