Tudo não passou de um ‘engano’. Na edição desta segunda do diário tz, o jornal se retratou das suspeitas levantadas sobre Bastian Schweinsteiger. Segundo o diário, em reportagem publicada na semana passada, o meia do Bayern de Munique e dois jogadores do Munique 1860 teriam prestado depoimento à polícia sobre um novo escândalo de manipulação de resultados na Alemanha.

Na matéria publicada nesta segunda, o jornal afirma que as informações divulgadas ‘não eram verdadeiras’. Além disso, o tz traz uma declaração de Schweinsteiger sobre o caso. “Nunca fui interrogado pela polícia nem convidado para depor”, disse o jogador.

O Bayern de Munique já havia anunciado que irá processar o jornal por conta das acusações a Schweinsteiger.