O Liverpool é um time de chegada e tradição e tem currículo e futebol para ganhar o Mundial. Elenco por elenco, os ingleses têm um time do mesmo nível do São Paulo. A grande questão é saber quanta importância o clube de Anfield vai dar ao torneio. No início da temporada, a diretoria, o técnico e os jogadores deixavam claro que a prioridade era uma boa campanha no Campeonato Inglês. Mundial de Clubes? Se vier, é lucro.

Os Reds já participaram do torneio do Japão duas vezes. Em 1981, perderam para o Flamengo de Zico. Quatro anos mais tarde, foram derrotados pelo Independiente, da Argentina. O Liverpool ainda teve mais duas chances de tentar o título mundial, em 77 e 78, mas em ambas recusou o convite.

Pontos fortes

A marcação é o trunfo do Liverpool. A defesa, além de forte, é muito bem guarnecida por volantes e pelos laterais, seja no 3-5-2 ou no 4-4-2. Além disso, a obediência tática dos comandados de Rafa Benítez e o entrosamento do time também merecem destaque.

Pontos fracos

Pode parecer estranho, mas o mesmo time que marcou três gols no Milan na final da Liga dos Campeões tem problemas no ataque. Excetuando-se as jogadas de bola parada, o time tem sérias dificuldades para fazer gols. Peter Crouch, jogador de seleção que foi contratado no verão para resolver esse problema, está em péssima fase e não marcou nenhum gol nesta temporada.

O técnico

O espanhol Rafael Benítez chegou ao Liverpool no meio de 2004, trazendo no currículo dois títulos espanhóis e uma Copa Uefa conquistados com o Valencia. Seguro e calmo, teve seu status de técnico ‘top’ na Europa confirmado pelo inesperado título da Liga dos Campeões.

O astro

O capitão Steven Gerrard é o grande jogador do Liverpool. Meia que sabe armar e marcar, ele é o cérebro dos Reds e peça importante da seleção inglesa. Em 2003/4, seu desempenho foi tão bom que ofuscou até o astro Michael Owen, que acabou vendido para o Real Madrid. Na temporada passada, foi eleito pela Uefa o melhor jogador da Liga dos Campeões. Com apenas 25 anos, já tem experiência de um veterano.

O elenco

Goleiros
1. Jerzy Dudek – 23/3/1973 – POL
12. José Manuel Reina – 31/8/1982 – ESP
13. Scott Carson – 3/9/1985 – ING

Defensores
2. Stephen Warnock – 12/12/1981 – ING
3. Steve Finnan – 24/4/1976 – IRL
4. Sami Hyypia – 7/10/1973 – FIN
5. Danny O´Donnell – 10/3/1986 – ING
6. John Arne Riise – 24/9/1980 – NOR
17. Josemi – 15/11/1979 – ESP
20. David Raven – 10/3/1985 – ING
21. Djimi Traoré – 1/3/1980 – FRA
23. Jamie Carragher – 28/1/1978 – ING

Meio-campistas
7. Harry Kewell – 22/9/1978 – AUS
8. Steven Gerrard – 30/5/1980 – ING
10. Luís García – 24/6/1978 – ESP
14. Xabi Alonso – 25/11/1981 – ESP
16. Didi Hamann – 27/8/1973 – ALE
18. Darren Potter – 21/12/1984 – ING
22. Momo Sissoko – 22/1/1985 – MLI

Atacantes
9. Djibril Cissé – 12/8/1981 – FRA
11. Florent Sinama-Pongolle – 20/10/1984 – FRA
15. Peter Crouch – 30/1/1981 – ING
19. Fernando Morientes – 5/4/1976 – ESP

Técnico
Rafa Benítez – 16/4/1960 – ESP