A Federação Norueguesa de Futebol tem uma proposta que no mínimo causará muita polêmica no mundo do futebol. A ideia é tentar equilibrar partidas muito desequilibradas colocando um jogador a mais no lado que estiver perdendo por quatro gols de diferença.

A proposta é endossada pelo ex-defensor Henning Berg, que jogou no Manchester United e Blackburn. “É uma boa regra, que levará a jogos mais equilibrados”, disse Berg, jogador que atuou 100 vezes pela seleção da Noruega. “Não é divertido perder por 17 a 0. Não é divertido vencer por 17 a 0 também”.

O técnico do Aalesund, Kjetil Rekdal, que foi companheiro de Berg na zaga da seleção norueguesa, não mostrou o mesmo entusiasmo do colega. “Pode ser positivo para ter mais pessoas ativas,,, mas pode ser negativo se destruir ou punir quem é melhor”, afirmou Rekdal ao jornal norueguês Verdens Gang.