O Manchester United foi ao mercado agora em janeiro para compensar a falta de ação no início da temporada e despejou um caminhão de dinheiro no Stamford Bridge para acertar com Juan Mata. Só o tempo vai dizer se os € 45 milhões foram bem investidos. Todos sabem da qualidade do espanhol, mas ele precisará reerguer os Red Devils para valer toda essa fortuna. Sem paciência para esperar isso acontecer, o jornal Independent resolveu simular o restante da temporada do Manchester United com Mata em campo. E não é que ele salvou mesmo o ano?

Na simulação do periódico, Mata já chega ao clube de Old Trafford voando, com sete gols e cinco assistências em seus 15 primeiros jogos. Se na vida real a provável estreia do espanhol deverá acontecer contra o Cardiff City, na próxima terça, no jogo o novo reforço do United começa sua trajetória apenas na rodada seguinte, contra o Stoke City – e com gol. No jogo subsequente, contra o Fulham, mais um gol. No final das contas, os gols e assistências de Mata ajudam o time de Manchester a perder apenas um de seus jogos restantes na Premier League, para o Manchester City, e o time consegue a quarta colocação do campeonato, se garantindo na Liga dos Campeões, com 76 pontos.

O Independent ainda brinca que Arsène Wenger estava certo em suas preocupações. O francês afirmou que era injusto o Chelsea vender um jogador do nível de Mata para o United depois de já ter enfrentado os Red Devils duas vezes pelo Inglês. O treinador considerou que Mourinho fez isso para prejudicar seus concorrentes ao título, Manchester City e Arsenal. Na simulação feita no Football Manager, o United vence o Arsenal em pleno Emirates Stadium.

É claro que se trata de apenas uma brincadeira, mas que tem torcedor dos Red Devils acreditando que esse é mais ou menos o efeito da chegada de Mata ao clube, isso tem.