A equipe feminina do Colo-Colo, conhecida como Albitas, encarou um adversário diferente esta semana. Para comemorar o sucesso que vem conseguindo, tanto em campos nacionais quanto internacionais, foi organizado um amistoso de dois tempos de 25 minutos com os homens da equipe chilena, que venceram por 5 a 0.

LEIA MAIS: Corinthians/Audax conquista a Libertadores com as mulheres, em momento importante para o futebol feminino no Brasil

Óscar Opazo, Nicolás Orellana, Iván Morales, Marcos Bolados e Nicolás Maturana marcaram para o time masculino do Colo-Colo, que entrou em campo misturando titulares e reservas. O resultado amplo é natural pela diferença principalmente física entre os dois times, mas, independentemente do placar, as mulheres comemoraram a experiência. “Nunca esperávamos um jogo desses”, afirmou Claudia Soto. “A experiência foi muito boa. Que isso ajude o futebol feminino. Os outros times poderiam fazer o mesmo”, acrescentou Carla Guerrero.

Uma história interessante foi o duelo entre o volante Branco Provoste, jovem vice-campeão sul-americano sub-17 pelo Chile, com Fernanda Shlomit, da equipe feminina. Isso porque os dois são namorados e chegaram a se encontrar dentro de campo, como no momento registrado abaixo:

O Colo-Colo chegou à decisão da Libertadores feminina deste ano, derrotado pelo Corinthians/Audax, e está brigando forte pelo título do Torneio Clausura do Campeonato Chileno. Nas quartas de final, impuseram 10 a 0 sobre o Deportes Puerto Montt e avançaram à próxima fase sem problemas.