O calvário do Independiente na segunda divisão argentina parece interminável. O dono de sete títulos da Libertadores se encaminha para retornar à elite nacional. Mas não sem antes enfrentar os percalços da vida no Ascenso. Os rojos estão na terceira colocação, na zona de acesso. No entanto, bem distantes dos líderes Banfield e Defensa y Justicia. E desperdiçando pontos fundamentais. Nesta quarta, o clube de Avellaneda perdeu por 2 a 0 para o Atlético Tucumán, sua principal ameaça na tabela, três pontos atrás. Com requintes de crueldade.

O Independiente foi engolido pelos albicelestes por 3 a 1, dentro do Estádio Libertadores da América. É o terceiro jogo sem vitória em quatro rodadas desde que a Segundona foi retomada, após a pausa de verão. E o segundo gol do Atlético Tucumán foi uma pintura. Luis Rodríguez percebeu o goleiro Diego Rodríguez adiantado e não pensou duas vezes: mandou o balaço dali mesmo, quase de meio de campo. Um senhor golaço, para desespero dos rojos.