Narrar um jogo de futebol é mais difícil do que parece. Prestar atenção em tudo que está acontecendo, transformar isso em palavras, de uma maneira coerente e clara, dando ritmo à transmissão e traduzindo a emoção da partida para os espectadores. Atingir a excelência – independente do estilo que você gosta ou detesta – exige alguns anos de prática. Apenas um profissional experiente como Andrés Cantor, já há 30 anos na estrada, conseguiria narrar três partidas ao mesmo tempo.

LEIA MAIS: A noite de êxtase do Panamá, rumo à primeira Copa, completa a caminhada que durou uma década

Foi que ele fez. Conhecido narrador em espanhol na televisão dos Estados Unidos, e personagem daquele episódio dos Simpsons sobre a Copa de 2014, o locutor da Telemundo transmitiu os dez minutos finais dos três jogos da última rodada do hexagonal das Eliminatórias da Concacaf.

Enquanto os EUA buscavam o empate que os salvaria da desclassificação vexatória, Panamá buscou o gol da vitória que levou essa seleção para a Copa do Mundo da Rússia. E mesmo com toda sua experiência, Cantor demorou um pouco para perceber o que estava acontecendo.