A última rodada do Campeonato Italiano começou com cinco equipes ainda brigando contra o rebaixamento. E, para deixar as coisas ainda mais emocionantes, nenhuma delas se enfrentou. Foram cinco partidas decisivas ao redor da Itália em busca de evitar a queda. E, no final das contas, apenas o Crotone não conseguiu vencer e se juntou a Benevento e Verona como os rebaixados da temporada 2017/18. 

LEIA MAIS: No retorno de Balotelli, veja todos os gols de Super Mario pela seleção italiana

O coitado do Crotone não deu muita sorte com a tabela. Já começou a rodada dentro da zona de rebaixamento e precisava pelo menos empatar para escapar, em caso de derrota da Spal. Mas o adversário seria o Napoli. Insigne deu duas assistências, para Milik e Callejón, que abriram 2 a 0 ainda no primeiro tempo. Marco Tumminello descontou tarde demais, nos acréscimos da etapa final. O Napoli, com 91 pontos, bateu o pontuação recorde de uma equipe vice-campeã da Serie A.  

A Spal confirmou mais uma temporada na elite com contundência. Fez 3 a 1 contra a Sampdoria, com dois gols no começo do segundo tempo, aproveitando a expulsão de Gianluca Caprari, ainda antes do intervalo. Chievo, Cagliari e Udinese venceram Benevento, Atalanta e Bologna, respectivamente, pelo placar mínimo de 1 a 0 e se mantiveram na primeira divisão.

Na outra ponta da tabela, o Milan saiu atrás contra a Fiorentina, um belo gol de Giovanni Simeone, mas conseguiu rapidamente a virada, a partir do gol de empate de Calhanoglu, em cobrança de falta. Cutrone, duas vezes, Kalinic e Bonaventura completaram a goleada por 5 a 1. Os rossoneri ficaram em sexto lugar, igualando a campanha do ano passado, e se classificaram diretamente para a fase de grupos da Liga Europa. 

Gol do Cagliari
Gol da Udinese
Gol do Chievo