Germany Soccer Bundesliga

O Bayern perdeu na liga após 524 dias e te lembramos como isso é tempo

Era natural que o Bayern de Munique relaxasse depois de conquistar a Bundesliga. Só não dava para imaginar que o desleixo seria tão grande. Na primeira rodada após a confirmação do título, os bávaros encerraram a sequência de 19 vitórias seguidas, em um movimentado empate contra o Hoffenheim. Agora, a invencibilidade de 53 partidas do time de Pep Guardiola cai. O dérbi regional contra o Augsburg não parecia dos jogos mais perigosos, já que o Bayern nunca havia perdido na liga para os rivais. Mas foi. Vitória por 1 a 0, gol de Sascha Molders.

Logicamente, é preciso fazer algumas ponderações. O Bayern entrou apenas com Manuel Neuer, Bastian Schweinsteiger, Toni Kroos e Mario Mandzukic entre aqueles que podem ser considerados seus titulares. Natural, diante do jogo decisivo contra o Manchester United no meio da semana, pela Liga dos Campeões.

Mesmo assim, a obrigação de ao menos empatar era toda dos campeões. E o time de Guardiola foi pouco criativo. Foram só duas chances claras de marcar, uma bola na trave de David Alaba e outro chute à queima roupa de Thomas Müller – ambos saídos do banco. Foi o primeiro jogo desde 10 de abril de 2012 que o clube ficou 90 minutos sem marcar no Campeonato Alemão, uma sequência de 65 rodadas. Ainda assim, do outro lado houve muitos méritos do Augsburg. Neuer fez seis defesas, uma delas espetacular, e também houve uma bola na trave, já nos acréscimos.

A sequência de 53 jogos sem perder do Bayern é a segunda maior da história entre as cinco principais ligas europeias. Só perde para o lendário Milan do início da década de 1990, que ficou 58 jogos sem ser derrotado na Serie A entre 1991 e 1993. Entretanto, o timaço dos rossoneri é bem mais lembrado pelos três títulos da Liga dos Campeões conquistados naquela época do que por qualquer sequência. Então é bom que os bávaros se recobrem do baque logo, para buscar o que realmente interessa agora. É preciso passar pelo United nas quartas de final da Champions e continuar se consolidando como um dos melhores times da história.

A última derrota do Bayern no Alemão havia acontecido em 28 de outubro de 2012, para o Bayer Leverkusen, 524 dias atrás. Separamos 10 fatos que mostram como o futebol se transformou de lá para cá:

- Neuer era o único jogador do time na lista dos 23 candidatos à Bola de Ouro de 2012
- Tymoshchuk ainda era reserva dos bávaros
- Robben dizia que havia perdoado Ribéry por brigas em campo
- Götze marcou um dos gols do Dortmund naquela rodada
- Guardiola ainda vivia seu ano sabático e sequer era especulado pelo Bayern
- Tevez ainda salvava o Manchester City de derrota
- Messi chegava ao seu gol 300 na carreira. Atualmente a conta já está em 387
- Wilshere fazia sua primeira partida como titular do Arsenal após meses superando lesões
- O Fluminense era o líder do Campeonato Brasileiro
- Mano Menezes ainda era o técnico da Seleção e Thiago Neves ainda era convocado