Antoine Griezmann começou a temporada devagar. A irregularidade de então do Atlético de Madrid não ajudou, nem as crescentes especulações de que este pode ser seu último ano vestido de vermelho e branco. Dos 16 gols que marcou em La Liga, cinco saíram nos 19 jogos do primeiro turno. E os outros 11, mais três assistências, nas últimas nove rodadas do Campeonato Espanhol, inclusive na vitória por 3 a 0 sobre o Celta de Vigo, neste domingo.

LEIA MAIS: Este sabe fazer golaço: Saúl adiciona mais uma pintura à sua lista de obras de arte

Curiosamente, ou não, o despertar do francês coincide com o retorno de Diego Costa ao time de Simeone. O ex-jogador do Chelsea reestreou em La Liga contra o Getafe, na penúltima rodada do primeiro turno, dois jogos antes de Griezmann começar a marcar gols no atacado. A presença de Costa no time tira um pouco da pressão dos ombros do companheiro e o permite flutuar com mais liberdade pelos arredores da grande área.

Griezmann marcou contra Girona, Las Palmas e Málaga, fez três no Sevilla e quatro no Leganés. Neste domingo, colocou seu nome no placar com um belo gol, em cobrança de escanteio, e deu um passe preciso para Vitolo fazer o segundo. O terceiro foi marcado por Ángel Correa, em mais uma vitória do Atlético de Madrid, que tem apenas duas derrotas em todo o campeonato.

.