Lazio e Atalanta são dois clubes que fazem temporadas elogiáveis. Porém, o encontro entre ambos, na antepenúltima rodada do Campeonato Italiano, rendeu resultado que dá motivos para mútuas lamentações. Indo a 59 pontos, a Dea perdeu definitivamente a sexta posição (última a dar lugar na Liga Europa) para o Milan, que a superara no sábado, ao abrir a 36ª rodada fazendo 4 a 1 para sacramentar o rebaixamento do Verona. A equipe da capital italiana até segue na terceira posição, com 71 pontos, mas não só pode ser superada pela Roma – que pega o Cagliari ainda neste domingo -, como ficou só dois pontos acima da Internazionale, que goleou facilmente a Udinese (4 a 0 nos alvinegros do Friuli).

E a partida começou até mais perigosa para a Lazio. Logo aos dois minutos, a Atalanta fez 1 a 0 no Olímpico de Roma: Marten de Roon deu um passe em profundidade a Musa Barrow. E o atacante gambiano chutou na saída de Thomas Strakosha, para fazer 1 a 0. De quebra, aos 10 minutos, Alejandro “Papu” Gómez quase fez o segundo gol da Dea, completando na trave o passe de Bryan Cristante.

O alívio da Lazio, pelo menos, não demorou muito. Aos 24 minutos, coube a Felipe Caicedo o empate: Sergej Milinkovic-Savic lançou a bola na área, Luis Alberto ajeitou e tocou para o meio, e o equatoriano conferiu para as redes o empate. Que seguiu no placar – e prejudicou a reta final de ambas as equipes.