Chris Wood brilhou na segunda divisão inglesa pelo Leeds na temporada passada, marcando 30 gols em 48 jogos. Nesta temporada, foi contratado pelo Burnley por € 16,4 milhões, recorde do clube. E seus gols têm sido importantes. Primeiro, marcou contra o Tottenham em Wembley, nos acréscimos, dando um ponto ao time com o empate. Neste domingo, fez o gol da vitória sobre o Crystal Palace por 1 a 0, logo no início do jogo. Pior para o Crystal Palace de Frank de Boer, que já surge como favorito a ser o primeiro treinador demitido nesta temporada da Premier League.

LEIA TAMBÉM: Finalmente Kane marcou na Premier League, para azar do Everton

O gol saiu logo no começo do jogo, a menos de três minutos, em um erro horroroso de passe de Lee Chung-yong. Ele tocou para trás buscando o goleiro, Wood interceptou e, esperto, tocou antes do goleiro pensar muito no que fazer. O atacante, que é conhecido mais pela força e bom posicionamento para finalizar do que pela técnica, vem fazendo aquilo que se esperava quando ele foi contratado.

O Palace teve impressionantes 23 chutes a gol ao longo da partida, mas só cinco acertaram o gol. Só Scott Dan chutou quatro vezes. O time comandado pelo holandês Frank de Boer teve 64,8% de posse de bola, mas foi incrivelmente ineficiente. Agora, com quatro jogos e quatro derrotas, a situação do treinador fica bastante complicada. Depois do trabalho de curtíssima duração na Internazionale –não ficou nem três meses –, um fracasso no time inglês tornaria a sua situação bastante complicada no mercado.

O Burnley, por sua vez, já chega a sete pontos em quatro jogos, o que é uma boa marca para um time que luta contra o rebaixamento. Já o Crystal Palace tem muito o que se preocupar. O time sabe que terá que brigar pelo rebaixamento e já larga muito atrás. Será uma missão duríssima.