A torcida dos EUA comprou vários ingressos para a Copa de 2014 (Foto: AP)

Por que tantos americanos vêm ao Brasil para a Copa? A Bloomberg tem uma teoria

Já falamos várias vezes sobre como o interesse pelo futebol está crescendo nos Estados Unidos, mas não a ponto de superar outras nações, como a maioria das europeias e das sul-americanas. Então, chamou a atenção quando o segundo país a comprar mais ingressos para a Copa do Mundo foi justamente o dos sobrinhos do Tio Sam, e tem gente tentando entender por quê. Uma colunista da Bloomberg tem uma teoria, ou, na verdade, três teorias.

Kavitha Davidson acredita que um dos motivos pode ser a confiança dos torcedores em uma boa campanha da seleção nacional, apesar de ela ter caído em um grupo muito difícil, ao lado de Alemanha, Portugal e Gana. Nessas estatísticas malucas que os americanos arrumam, a ESPN acredita que há – atenção – 39,3% de chances de classificação às oitavas de final, mesma probabilidade que creditaram aos portugueses.

A segunda teoria de Davidson é que os americanos, em relação a outros países, têm mais dinheiro sobrando para gastar com uma viagem de lazer e com ingressos. A terceira é que os americanos simplesmente adoram turismo sexual.

Também mencionado no texto, é o fato de que os Estados Unidos têm muitos imigrantes de países apaixonados por futebol, inclusive brasileiros. Ou seja, nem todos os 154.412 ingressos foram necessariamente comprados por americanos. De qualquer forma, é curioso ver a perspectiva de uma jornalista americana sobre o assunto. O texto está aqui.