Há um ditado popular que diz: promessa é dívida. Ápesar de muita gente não levar isso a sério e prometer mundos e fundos, Tom Huddlestone é dos caras que cumprem o que prometem. Neste sábado, ele foi o autor de um golaço pelo seu time, o Hull City. Aliás, muitos torcedores do time devem ter ficado em dívida com promessas que fizeram. Os Tigers venceram o Fulham por estrondosos 6 a 0, com TODOS os gols no segundo tempo. É dessas coisas inacreditáveis. Assim como a cena que se viu: Huddlestone marca e corre para ter o cabelo cortado perto do banco.

Tudo se explica. Huddlestone ostenta uma bela cabeleira black power. Ele chegou ao Hull City no começo da temporada, contratado junto ao Tottenham. Só que ele não conseguiu marcar um gol sequer. A seca fez com que o volante fizesse uma promessa: não cortaria o cabelo até que voltasse a balançar as redes. E, bom, demorou para ele conseguir um golzinho. Ele jogou todos os jogos do Hull na Premier League. Eram 18 jogos até este sábado. Nenhum golzinho. Até o chutaço de canhota, em belo jogada, que nem é a sua perna boa. Aí, a cena abaixo aconteceu.

O Hull é o 10º colocado na Premier League, com 23 pontos, enquanto o Fulham está em crise. É o 18º, na zona do rebaixamento.