É bem verdade que a AFC Challenge Cup é uma espécie de segunda divisão da Copa da Ásia, mas isso não muda o estranho fato de que o Tadjiquistão se tornou a primeira seleção vinda da União Soviética a conquistar um título continental adulto. Neste domingo, os tadjiques venceram o Sri Lanka por 4 a 0 em jogo disputado no estádio Bangabandhu em Daca, capital de Bangladesh.

Apesar do placar elástico, o jogo teve doses de emoção. Logo aos 50 segundos de jogo, Rabimov se aproveitou de falha do zagueiro cingalês Sanjaya Pradeep Kumara para colocar o Tadjiquistão na frente. Durante quase todo o primeiro tempo, o Sri Lanka pressionou em busca do empate, mas os tadjiques ampliaram no último minuto antes do intervalo, com Thilakaratne.

No segundo tempo, os cingaleses se abriram no desespero e deram mais brechas para os tadjiques aproveitarem os contra-ataques. Gols de Hakimov e Muhidinov desenharam a goleada.

Essa foi a primeira edição da AFC Challenge Cup, criada para dar mais oportunidades para as nações mais fracas da Ásia. O torneio, realizado em Bangladesh, teve a participação de Afeganistão, Bangladesh, Brunei, Butão, Camboja, Filipinas, Guam, Índia, Macau, Nepal, Palestina, Paquistão, Quirquistão, Sri Lanka, Taiwan e Tadjiquistão.