Um Gre-Nal só termina em silêncio se a vitória de uma das partes for incontestável. Do contrário, sempre vai haver uma reclamação, um pênalti de concurso, um impedimento não assinalado, uma bola que não saiu, um cotovelo que o juiz não viu. Um jogador pedindo truco só com um três de espadas, gritando real envido com um 2 e um 7 de paus, neste truco cego onde o grito é mais importante que as cartas na mão.

Leia o texto completo no Impedimento.