No encontro realizado nesta terça pelo comitê executivo da Uefa em Malta, a entidade descartou as candidaturas de Grécia e Turquia para receber a Euro-2012. Assim, permanecem na corrida para sediar o torneio Itália e duas duplas (Croácia/Hungria e Polônia/Ucrânia).

´´Esta é agora uma competição aberta. Conheceremos em maiores detalhes os candidatos com as visitas aos locais´´, afirmou Lars-Christer Olsson, chefe-executivo da Uefa. A decisão final será conhecida em dezembro de 2006.