Depois de um jogaço no dérbi da Andaluzia entre Betis e Sevilla, outro 3 a 3 movimentou a rodada, com emoções até o fim. Jogando em casa, o Espanyol saiu na frente do Valencia e, quando parecia ter a vitória em mãos, levou a virada nos acréscimos. Porém, a equipe de Barcelona acreditou até o fim e conseguiu um heroico empate no último lance do jogo.

Quem comemora o resultado é a Real Sociedad, que terá jogo difícil contra o Rayo Vallecano, amanhã, e continua na zona de classificação à Liga dos Campeões, com 51 pontos, na 4ª posição, e pode ampliar a vantagem sobre o Valencia – os Che continuam na 5ª posição, agora com 50 pontos. Já o Espanyol subiu para a 11ª colocação, com 40 pontos.

Depois de um prmeiro tempo morno, apenas nos acréscimos o Espanyol abriu o placar, com um gol de cabeça de Mubarak Wakaso. Aos 8 minutos da segunda etapa, o Valencia chegou ao empate com Sergio Canales, que recebeu belo passe de Éver Banega e bateu na saída do goleiro Cristián Álvarez.

Com o empate, a partida ficou bastante equilibrada, até que Wakaso puxou ótimo contra-ataque e, após o desenrolar da jogada, apenas ajeitou, de cabeça um cruzamento de Sergio García. Joan Verdú, que andava meio sumido, chutou bem e ainda contou com desvio na zaga para vencer o goleiro Vicente Guaita. Quando o Espanyol já se fechava, porém, um erro da defesa permitiu o empate valenciano. Aos 42, Roberto Soldado ajeitou de cabeça para o brasileiro Jonas, sozinho, dominar e bater bem no canto do goleiro argentino do Espanyol.

No primeiro minuto dos acréscimos, quando parte da torcida dos Periquitos já deixava o estádio Cornellà-El Prat, Banega deu mais uma bela assistência, desta vez para Soldado bater na saída de Álvarez e virar o jogo. No último segundo de jogo, porém, o espanyol empatou com Sergio García, após falha de Víctor Ruiz, que não teve tempo de bola necessário para cortar o balão lançado para a área.

Deportivo goleia fora de casa e deixa zona de rebaixamento

Se, de certa forma, surpreendia o péssimo campeonato do Deportivo La Coruña, que frequentava a zona de rebaixamento, também surpreende a sua recuperação. Neste sábado, a equipe da Galícia aplicou sonoros 4 a 0 no Levante, em pleno estádio Ciutat de Valencia e, de quebra, deixou a zona de rebaixamento, ao menos momentaneamente. Os galegos agora ocupam a 16ª posição, com 29 pontos, e torce contra Granada (17º, com 28), que enfrenta o Atlético de Madrid, fora de casa, e também contra o Zaragoza (18º, com 27), que recebe o Barcelona.

Jogando em casa, o Depor construiu sua vitória logo no primeiro tempo, com gols do experiente Juan Valerón e dos portugueses Pizzi e Nélson Oliveira. Já no segundo tempo, a equipe de La Coruña coroou sua vitória “à portuguesa” com mais um gol patrício, marcado por Bruno Gama.

Confira os resultados da 31ª rodada de La Liga:

Sexta-feira, 12/abr
Betis 3×3 Sevilla

Sábado, 13/abr
Valladolid 2×1 Getafe
Levante 0x4 Deportivo
Espanyol 3×3 Valencia
Málaga x Osasuna

Domingo, 14/abr
Rayo Vallecano x Real Sociedad
Atlético de Madrid x Granada
Zaragoza x Barcelona
Athletic Bilbao x Real Madrid

Segunda-feira, 15/abr
Mallorca x Celta