Acabou. Até o fim da temporada, os clubes da Europa não podem mais contratar jogadores. Vão ter que se virar com aquilo que têm. O dia, que costuma ser realmente menos movimentado do que o seu equivalente na janela de verão, foi ainda mais modorrento. A principal contratação foi a de Hernanes, pela Internazionale de Milão, mas essa já era barbada. Por outro lado, Diego deixou o Wolfsburg e foi reforçar o Atlético de Madrid, que se credencia ainda mais à briga pelo título espanhol. Abaixo, as principais contratações de hoje e do mercado de janeiro.

Hoje:

John Heitinga, do Everton para o Fulham
Kim Källström, do Spartak Moscou para o Arsenal
Hernanes, da Lazio para a Internazionale
Ibson, do Corinthians para o Bologna
Gael Kakuta, do Chelsea para a Lazio
Phillip Senderos, do Fulham para o Valencia
Paolo Cannavaro, do Napoli para o Sassuolo
Dimitar Berbatov, do Fulham para o Monaco
Sergio Canales, do Valencia para a Real Sociedad
Pablo Osvaldo, do Southampton para a Juventus
Rafael Tolói, do São Paulo para a Roma
Kostas Mitroglou, do Olympiakos para o Fulham
Pablo Armero, do Napoli para o West Ham
Marco Borriello, da Roma para o West Ham
Douglas Santos, do Náutico para a Udinese
Vinícius Araújo, do Cruzeiro para o Valencia
Marquinho, da Roma para o Hellas Verona
Diego, do Wolfsburg para o Atlético de Madrid
Salomón Rondón, do Rubin Kazan para o Zenit
Ludovic Obraniak, do Bordeaux para o Werder Bremen
Guilherme Dellatorre, do Atlético Paranaense para o Queen Park Rangers
Lewis Holtby, do Tottenham para o Fulham
Kurt Zouma, do Saint-Étienne para o Chelsea
Milos Jojic, do Partizan para o Borussia Dortmund
Fabio da Silva, do Manchester United para o Cardiff
Wilfried Zaha, do Manchester United para o Cardiff
Nelson Haedo Valdez, do Al Jazira para o Olympiacos
Hernán Pérez, do Villarreal para o Olympiacos
Nicola Pozzi, da Sampdoria para o Parma
Stefano Okaka Chuka, do Parma para a Sampdoria
Marat Izmailov, do Porto para o Gabala
Federico Macheda, do Manchester United ao Birmingham

Janeiro:

Scocco, do Inter para o Sunderland
Kvist, do Stuttgart para o Fulham
Luuk de Jong, do B. Mönchengladbach para o Newcastle
Yohan Cabaye, do Newcastle para o PSG
Michael Essien, do Chelsea para o Milan
Mohamed Salah, do Basel para o Chelsea
Juan Mata do Chelsea para o Man Utd
Marco Borriello da Roma para o West Ham
Antonio Nocerino, do Milan para o West Ham
Santiago Vergini, do Estudiantes para o Sunderland
Kevin de Bruyne, do Chelsea para o Wolfsburg
Anderson, do Man Utd para a Fiorentina
Ryan Bertrand, do do Chelsea para o Aston Villa
Nemanja Matic, do Benfica para o Chelsea
Bryan Ruiz, do Fulham para o PSV
Henrique, do Palmeiras para o Napoli
Andrés Guardado, do Valencia para oBayer Leverkusen
Danielo D’Ambrosio, do Torino para a Internazionale
Maxi Lopez ,do Catania para a Sampdoria
Peter Odenwingie, do Cardiff para o Stoke