A Costa Rica possui com 4,8 milhões de habitantes. A capital San José, 2,1 milhões em sua região metropolitana. Uma população que pareceu cada vez maior a cada vitória conquistada pelos Ticos na Copa do Mundo. As ruas principais da cidade ficaram tomadas desde a vitória sobre o Uruguai, e se repetiram contra Itália, Inglaterra e Grécia. Contra a Holanda, não houve tantos motivos para comemorar. Mas não foi a eliminação que diminuiu a recepção aos ídolos nacionais que proporcionaram os maiores momentos do futebol nacional.

LEIA MAIS: A fórmula que fez a Costa Rica deixar a Copa como vencedora

A volta da Costa Rica para casa foi uma comoção única. Milhares de pessoas esperaram o elenco por horas. Mais do que isso, trataram todos como heróis nacionais. É difícil imaginar o costarriquenho que confiava numa campanha tão boa no Mundial, mesmo na sobrevivência no grupo da morte. Pois os Ticos foram capazes. Graças à tática de Jorge Luis Pinto, os milagres de Keylor Navas, o coração de Bryan Ruiz e a entrega de tantos outros que fizeram parte do time. Depois de tanto trabalho, nada melhor do que celebrar.