O Vitesse surgiu em 1887, fundado por um grupo de garotos que desejavam formar um time para praticar críquete e futebol. Na hora de batizar a sua equipe, negando palavras inglesas ou holandesas, eles escolheram um termo em francês: ‘vitesse’, que significa velocidade e se casava bem com o espírito do que desejavam. Depois de 130 anos, os aurinegros disputam pela primeira vez a fase de grupos de uma competição continental. E a palavra ‘vitesse’ certamente ecoou na cabeça de muitos torcedores do Nice, ao verem o golaço de Allan Saint-Maximin na vitória por 3 a 0 na Allianz Riviera.

Favorito no jogo, o Nice abriu o placar logo aos 16 minutos, com Alassane Pléa, em bola que sobrou na pequena área. Já Saint-Maximin apareceu pouco antes do intervalo, aos 45. Dominou a bola no campo de defesa e saiu em disparada, vencendo dois marcadores na corrida. A tal ‘vitesse’. Na entrada da área, ainda gingou para cima do marcador, antes de completar sua pintura com um chute no canto. Durante o segundo tempo, a partida sofreu um atraso por conta de um apagão no estádio. Ao final, coube a Pléa fazer mais um, após boa trama coletiva.

Nice e Lazio disparam na liderança do Grupo K da Liga Europa, ambos com seis pontos conquistados. Nesta quinta, os biancocelesti bateram o Zulte Waregem por 2 a 0, gols de Felipe Caicedo e Ciro Immobile.