Não importa quantas dezenas de gols Sergio Agüero faça. Aquele tento contra o Queens Park Rangers em 2012, sua primeira temporada no time, sempre será o emblema de sua história no Manchester City. O artilheiro, de qualquer forma, não se “limita” a ser o herói do título mais emocionante da história dos Citizens. Sua importância vai além, renovada a cada partida. E os seis anos de Estádio Etihad valeram ao argentino mais um lugar irrefutável na antologia do clube. Nesta quarta, durante a vitória sobre o Napoli, o camisa 10 se transformou no maior goleador do City em todos os tempos, superando Erik Brook, dono da marca desde 1940.

Não é porque os títulos são escassos ao longo do passado do Manchester City que o time não tenha contado com atacantes importantes. O lendário ponta Billy Meredith, considerado um dos melhores do mundo em sua época, é o nome mais notável no Top 10 de artilheiros. Além dele, figuram outros jogadores importantes ao futebol britânico, como Francis Lee, Colin Bell, Billie Gillespie e o próprio Erik Brook, todos com passagens marcantes por suas seleções nacionais. Agüero, todavia, não demorou a se colocar entre os grandes.

Em suas seis primeiras temporadas, Kun registrou uma expressiva média superior a 28 gols a cada ano, com o recorde de 33 bolas nas redes registrado justamente em 2016/17. Somente uma vez o argentino terminou abaixo da marca de 20 gols na temporada, em 2012/13. Já na atual campanha, o camisa 10 permanece como um dos protagonistas na equipe de Pep Guardiola. Apesar do acidente de carro que sofreu em setembro, acumula nove tentos em 11 partidas. Contra o Napoli, chegou ao seu gol de número 178, um a mais que Erik Brook, a quem havia igualado duas semanas atrás, contra o Burnley pela Premier League.

Diante do feito, o City compilou todos os 178 gols de Agüero em um só vídeo. Vale conferir: