Quando o seu time é campeão de algum torneio importante, a vontade de festejar e extravasar é tão grande que não dá para limitá-la apenas às paredes da sala de estar, às mesas dos bares ou às arquibancadas de um estádio. É preciso também ir às ruas, mostrar quem é que manda naquele momento.

>>> O Raja Casablanca está próximo de voltar ao Mundial, e sua torcida já prepara o espetáculo

Com a reta final de temporada em vários países, essa cena se repetiu em diferentes cantos do planeta, com praças e locais públicos tomados para a festa de torcidas que puderam dizer com orgulho que são as campeãs. Selecionamos quatro dessas festas, protagonizadas pelos torcedores de Atlético de Madrid, Arsenal, River Plate e Juventus, cada uma delas com suas singularidades e motivações especiais.

Atlético de Madrid

O Atlético de Madrid superou os prognósticos iniciais de que La Liga era um campeonato polarizado por Barcelona e Real, ignorou o abismo financeiro em relação aos dois gigantes e, na base da raça, superando as dificuldades físicas de uma temporada exaustiva, sagrou-se campeão do Campeonato Espanhol ao empatar com o Barcelona no Camp Nou. Para celebrar o título, que não vinha desde 1996, os colchoneros tomaram a Praça Netuno, com destaque para Gabi, capitão do Atleti, que subiu a estátua do deus da mitologia romana para vesti-lo com um cachecol do clube, como mostra a imagem que abre a nota. Confira um vídeo com a festa:

Arsenal

Os torcedores do Arsenal tiveram que segurar na garganta o grito de campeão por longos nove anos até o apito final que confirmou o time como o dono da Copa da Inglaterra desta temporada. E não foi fácil como previam: o Hull City ofereceu bastante resistência, chegando a abrir vantagem de dois gols em Wembley. Mas os Gunners sabiam que uma oportunidade como essa de dar fim a um jejum tão longo não poderia ser desperdiçada, e tiraram forças suficientes para reverter o placar. Para extravasar, os torcedores tomaram as ruas de Londres:

Juventus

Nunca é tarde para celebrar um título. Esse pelo menos foi o pensamento dos torcedores da Juventus neste final de semana. Mesmo com a conquista tendo sido garantida há duas semanas, os bianconeri invadiram a Piazza Castello, em Turim, neste domingo mesmo para festejar o terceiro scudetto consecutivo do clube:

River Plate

Dois anos após retornar à elite argentina, o River Plate voltou a conquistar o título argentino e a garantir uma vaga na Copa Libertadores, de que não participa desde 2009. A festa começou com os jogadores em cima de um ônibus dentro do próprio Monumental de Núñez, mas terminou com a invasão de uma multidão de millonarios ao Obelisco de Buenos Aires:

Você também pode se interessar por:

- Os guerreiros do Atletico suaram sangue para superar a última batalha e se sagrarem campeões
Fim do jejum do Arsenal foi trepidante, mas dá início a uma nova realidade
- River volta a ser River (com um pouco de ajuda alheia) e é campeão argentino