A pressão de se juntar ao Real Madrid é inegável. Justificar o investimento de um clube que pagou €45 milhões por seu futebol, que vem do terceiro título consecutivo na Liga dos Campeões, que passa por mudanças e precisa encontrar novos nomes para assumir o protagonismo. Vinícius Júnior, no entanto, parece lidar muito bem com a situação. Agradou em sua primeira semana de treinamentos com os merengues, criando boas jogadas, atuando com personalidade e se entrosando com os companheiros. Saldo positivo que se junta à maturidade demonstrada na apresentação oficial, nesta sexta-feira. O garoto de 18 anos falou com naturalidade sobre o que virá na próxima temporada, um momento decisivo de afirmação em sua carreira.

Talvez pela perda de Cristiano Ronaldo, talvez pelo “fico” de Neymar, o anúncio de Vinícius Júnior no Real Madrid foi cheio de pompa. Posou ao lado das taças da Champions, pisou no gramado do Santiago Bernabéu e fez suas firulas – algumas erradas, é verdade. Obviamente, não é só por Cristiano e Neymar que se criou este ambiente, mas também para referendar uma grande aposta do clube. Não à toa, o prodígio ganhou uma blindagem: Ronaldo apareceu ao seu lado para apresentá-lo. Um antigo ídolo que pudesse transmitir mais confiança a quem não conhece o ex-flamenguista e também para ajudar na aclimatação do novato.

“Pode ser que seja difícil no começo, mas é o melhor lugar onde poderia estar. Todos os jogadores sonham em vestir a camisa do Real Madrid e agora ele tem a oportunidade de demonstrar que está se sacrificando para conquistar o seu sonho. Eu te desejo toda a sorte do mundo neste desafio e estaremos todos para cuidar de você, no que precisar”, declarou Ronaldo, durante o evento, chamando o herdeiro de ‘maior esperança do futebol brasileiro’.

O mais importante a Vinícius é a noção de que deverá continuar no primeiro elenco do Real Madrid, apesar dos rumores de que poderia ser emprestado. Neste sentido, a pré-temporada nos Estados Unidos terá grande peso em sua sequência. Será essencial treinar bem e mostrar como pode potencializar a equipe. No momento, há lacunas na posição. Marco Asensio é o favorito para dominar a ponta esquerda, enquanto Isco também pode cair por ali, visto o que aconteceu na seleção espanhola. Contudo, há a sombra cada vez maior de Eden Hazard. O brasileiro, de qualquer forma, vem para entrar aos poucos e ganhar minutos a partir do banco de reservas. Também atuará com o Castilla, na terceira divisão espanhola, para ganhar ritmo.

“Eu fico no primeiro time do Real Madrid e eles decidirão se vou jogar com o Castilla por algumas partidas, para ir me adaptando o quanto antes. O meu objetivo aqui é sempre ganhar mais, estou obcecado por vencer. Sempre quero estar no topo e por isso escolhi o Real Madrid”, apontou Vinicius. “É a maior oportunidade que um jogador pode ter. Vou me sacrificar muito para demonstrar que mereço esta oportunidade. Venho de uma família muito humilde e que me ensinou muitos valores. Sei que a adaptação não vai ser fácil, mas estou pronto”.

Um personagem importante neste futuro é Julen Lopetegui. O novo treinador do Real Madrid possui boa experiência no desenvolvimento de jovens, vide o que aconteceu na seleção espanhola sub-21, que o alçou à principal. Além disso, um jogador brasileiro em particular tem muito a agradecer ao comandante pelo salto na carreira: Casemiro. A temporada emprestado ao Porto valeu demais para o volante ganhar consistência e retornar com moral ao Santiago Bernabéu. Neste sentido, Vinícius Júnior não deve encontrar resistência para atuar. Lopetegui não é o tipo de técnico que barra as promessas. Pelo contrário, dá espaço.

“Lopetegui está me dizendo o que preciso fazer. Sempre me diz para encarar o adversário e buscar o gol. Ele me ajudou muito e creio que isso vai me ajudar muito mais. É estupendo que saiba um pouco de português, porque quando tenho alguma dificuldade, ele pode traduzir. Está me ensinando muito e está dizendo no que tenho que melhorar. Meus companheiros também”, analisou o jovem.

Vinícius Júnior começou a se enturmar com os colegas. Karim Benzema postou uma foto com o brasileiro nas redes sociais. Marcelo e Casemiro também deverão auxiliá-lo bastante neste início. “É um elenco maravilhoso, que me acolheu muito bem. Sempre estão me aconselhando para me adaptar rápido. Aqui todos os jogadores são meus favoritos. Vi eles apenas pela televisão e no videogame. Agora treino com eles e isso é inexplicável. Tenho que trabalhar muito para poder chegar a qualidade que eles têm”, apontou.

Além disso, o reforço apontou que pressão não deverá ser problema: “Venho do Flamengo, que é um clube com muita pressão. Todo mundo me dá o maior apoio possível para que apenas me preocupe em jogar. Nunca penso em fracassar, mas sim em ganhar. Ganhar tudo com a camisa do Real Madrid”. A chance está dada. Vinícius Júnior depende apenas de si neste momento. E pelo que aconteceu nestes primeiros dias com os merengues, demonstra toda consciência para encarar o desafio.