Outro dia mostramos como a Argentina sabe fazer bons comerciais com futebol, mas o Brasil também anda mandando bem. A Visa fez uma campanha genial com um barbeiro que recebe Paolo Rossi no seu salão. Depois de contar até 10 para a raiva de 1982 passar, ele cumprimenta gentilmente o carrasco da Seleção naquela derrota para a Itália. Em seguida, aparece Zidane, que eliminou os brasileiros em 1998 e 2006. Uma piada inteligente, espirituosa, e que não precisou apelar para a rivalidade boba entre argentinos e brasileiros.