Pelé estreou na Copa do Mundo durante a terceira rodada da fase de grupos do Mundial de 1958. Foi um coadjuvante de luxo contra a União Soviética, em jogo no qual Vavá marcou dois gols, mas o verdadeiro absurdo estava na ponta direita: Garrincha, em atuação assombrosa, entortando os seus mais famosos joões. No entanto, não demoraria para o garoto da camisa 10 se apresentar ao restante do mundo. E isso aconteceu em 19 de junho, diante da torcida de Gotemburgo, no Estádio Ullevi. Nas quartas de final, contra Gales, craque imberbe anotou o seu primeiro gol na história da competição. Aos 17 anos, tornou-se o mais jovem a balançar as redes em Mundiais, recorde que permanece até hoje. Um golaço.

Cabe ressaltar que, além de Pelé, outros jogaram demais naquela tarde. O Brasil precisou enfrentar um cenário adverso ao seu jogo. A chuva deixara o gramado encharcado, em dia de céu nublado e ventos fortes. Ao menos o jogador mais temível de Gales não estaria em campo: o artilheiro John Charles se machucou na partida anterior e era desfalque. Ainda assim, a defesa brasileira trabalhou para conter as investidas dos galeses. Bellini e Zito estiveram entre os melhores da partida, assim como Didi, orquestrando o meio-campo.

Mas o momento mágico caberia mesmo a Pelé. O goleiro Jack Kelsey vinha acumulando milagres sob as traves galesas, evitando o primeiro tento do Brasil. Aos 25 do segundo tempo, porém, nada pôde fazer. Com Mel Charles às suas costas, o camisa 10 matou no peito e, sem deixar a bola cair, puxou para trás. Um drible fabuloso, que deixava o marcador na saudade. E quando outro defensor chegava, o prodígio batia no canto do arqueiro. Gol antológico que valeu a vitória por 1 a 0 e a classificação às semifinais, contra a França.

1938: Itália 4×2 Hungria

Final
Estádio Olímpico de Colombes, em Paris
Gols: Colaussi [2], Piola [2]; Tiktos, Sárosi

1954: Uruguai 7×0 Escócia

Segunda rodada da fase de grupos
St. Jakob, na Basileia
Gols: Borges [3], Míguez [2], Abbadie [2]

1958: Brasil 1×0 Gales

Quartas de final
Ullevi, em Gotemburgo
Gol: Pelé

1974: Polônia 7×0 Haiti

Segunda rodada da fase de grupos
Estádio Olímpico, em Munique
Gols: Szarmach [3], Lato [2], Deyna, Gorgon

1990: Itália 2×0 Tchecoslováquia

Terceira rodada da fase de grupos
Estádio Olímpico, em Roma
Gols: Schillaci, Roberto Baggio

1990: Alemanha Ocidental 1×1 Colômbia

Terceira rodada da fase de grupos
San Siro, em Milão:
Gols: Littbarski; Rincón

2014: Uruguai 2×1 Inglaterra

Segunda rodada da fase de grupos
Arena Corinthians, em São Paulo
Gols: Luis Suárez [2]; Rooney