Casas de apostas indicam 4 a 0 como placar mais cotado para Brasil x El Salvador

A turma que busca os lucros nas casas de apostas de futebol vai ter uma noite de terça-feira (11) um tanto quanto inusitada com a seleção brasileira, que realiza um amistoso às 21h30 (de Brasília) contra El Salvador. Com um adversário tão fraco, é natural que a busca por adivinhar o desfecho do confronto passe por outros detalhes que não necessariamente quem vai ser o vencedor da partida que será realizada em Maryland, nos Estados Unidos.

De acordo com o site especializado em apostas OddsShark.com, tal tendência é muito nítida ao se observar a cotação de cada uma das duas seleções para obter a vitória. O Brasil devolve meros R$ 1,03 a cada R$ 1,00 apostado. Quem investir R$ 100, por exemplo, lucraria apenas e tão somente R$ 3,00 com esta opção. O empate entre ambas está cotado a R$ 14,80/R$ 1,00, com a vitória de El Salvador ganhando ares de resultado impossível entregando R$ 34,30/R$ 1,00 ao apostador.

Não há mesmo como se animar com este lucro oferecido pelos salvadorenhos. Em 72º lugar no ranking da Fifa, a seleção sofreu para vencer, de virada, a modesta ilha de Montserrat, com o 2 a 1 sendo decretado apenas aos 49 do segundo tempo. O corajoso que lembrar que o Brasil perdeu para Honduras na Copa América de 2001 e quiser arriscar o triunfo de El Salvador nesta noite pode arriscar o 1 a 0, que devolveria nada menos que R$ 67,00/R$ 1,00, um valor tão irreal quanto a possibilidade de que se ocorra tal desfecho.

Faz mais sentido cravar, por exemplo, que El Salvador venha a abrir o marcador, mediante uma bobeira instantânea da defesa do Brasil, o que por si só valeria R$ 8,00 a cada R$ 1,00 investido. Apostar que o Brasil vá vencer levando gols dos salvadorenhos nem rende tanto assim – R$ 2,50 a cada R$ 1,00 apostado, o que é um valor bem mais compatível com o que é oferecido geralmente.

Tite, claro, vai aproveitar a fragilidade do adversário para mexer no time que venceu os Estados Unidos por 2×0 na última sexta-feira. Ele deve sacar Alisson, Fabinho, Thiago Silva, Filipe Luís, Fred e Firmino, abrindo espaço a Neto, Militão, Dedé, Alex Sandro, Arthur e Richarlison. E como serão permitidas seis alterações durante a partida, é bem provável que Andreas Pereira, Felipe, Lucas Paquetá e Everton ganhem uma oportunidade de atuar.

Com tal disparidade, vale olhar para os placares cravados que indiquem a vitória do Brasil, e aqui há outra surpresa com relação aos jogos “normais”. Um dos resultados que aparecem pagando menos é o 4 a 0, que devolveria R$ 7,00 a cada R$ 1,00 apostado. Outro placar que entrega o mesmo valor é o 3 a 0 para o Brasil, aparecendo logo depois o 2 a 0 e seus respectivos R$ 7,50/R$ 1,00.

Quem imaginar goleadas ainda maiores não estará forçando a barra. O 5 a 0 paga R$ 8,50/R$ 1,00, com o 6 a 0 devolvendo R$ 13,00/R$ 1,00. A disparidade entre as seleções é tamanha que o teto para os gols brasileiros foi colocado em 11, algo que não ocorre nas partidas convencionais, que dificilmente disponibilizam ao apostador mais do que seis ou sete gols.

Vale, portanto, observar quem são os jogadores mais cotados a deixar o seu nesta noite em Maryland. Quem apostar que Neymar será responsável por um dos gols recebe R$ 1,33 a cada R$ 1,00, aparecendo depois Everton (R$ 1,53), Philippe Coutinho e Roberto Firmino (R$ 1,66), Richarlison (R$ 1,72), Douglas Costa (R$ 1,95) e Lucas Paquetá (R$ 2,30). Em partidas equilibradas, o jogador mais provável a deixar o seu devolve aproximadamente R$ 2,50 ou R$ 2,70 – e neste amistoso do Brasil, nada menos que seis jogadores surgem com lucros inferiores a esta margem.

Por fim, uma outra dica que promete encorajar o apostador a sonhar com um lucro elevado nesta terça é projetar que o Brasil vai ter um começo lento e desinteressado, e que por isso a partida vai terminar os seus primeiros 45 minutos com um 0 a 0 no placar. Caso isso ocorra e a igualdade sem gols seja observada no intervalo, o lucro apenas nesta opção será de R$ 6,00 a cada R$ 1,00.

Os principais amistosos entre seleções desta terça-feira (11), segundo o OddsShark.com:

11/09 – 15:45 – Polônia (R$ 1,54) x Irlanda (R$ 6,40); empate (R$ 3,91)

11/09 – 16:00 – Inglaterra (R$ 1,79) x Suíça (R$ 4,79); empate (R$ 3,46)

11/09 – 21:00 – Colômbia (R$ 3,13) x Argentina (R$ 2,32); empate (R$ 3,19)

11/09 – 21:30 – El Salvador (R$ 34,30) x Brasil (R$ 1,03); empate (R$ 14,80)

11/09 – 21:30 – EUA (R$ 2,81) x México (R$ 2,54); empate (R$ 3,16)

Confira outros odds do futebol brasileiro e internacional na Trivela.