Depois de dois anos estrondosos com a camisa do Tigres, André-Pierre Gignac não conseguiu ser tão efetivo em sua terceira temporada no Campeonato Mexicano, com número de gols inferior ao das campanhas anteriores. Ainda assim, permaneceu como protagonista dos felinos e conquistou o Apertura. No entanto, este reinício de atividade em 2018/19 vai ajudando bastante o veterano. O francês voltou a ser letal como em outros tempos. E nesta quarta-feira mostrou como está afiado para seguir liderando sua equipe. Comandou a goleada por 4 a 0 sobre o Veracruz com direito a um gol espetacular, em voleio cheio de plasticidade dentro da área.

Depois que Javier Aquino abriu o placar no primeiro tempo, Gignac começou a mostrar serviço no segundo. Arriscou um chute de fora da área, que contou com a colaboração do goleiro Pedro Gallese, para ampliar. Nada comparado ao que viria depois, aproveitando cruzamento de Julián Quiñones. A bola veio perfeita ao segundo pau. Livre, o francês já engatilhou o chute enquanto o passe caía. E emendou a acrobacia para estufar as redes, sem qualquer chance de defesa. Aplausos merecidos em goleada que terminou com um tento de Eduardo Vargas.

Gignac voltou à sua melhor forma neste Apertura 2018. São cinco gols em cinco partidas, passando em branco em apenas uma. O Tigres ocupa a modesta oitava colocação, tentando se firmar na zona de classificação aos playoffs, mas o desempenho oscilante até agora não é culpa de seu artilheiro. O francês, além do mais, negocia a renovação de seu contrato. Segundo a imprensa local, o acordo foi alcançado nos últimos dias. Um golaço desses dá até direito de pedir mais.