A terça-feira foi de amistoso em Anfield Road. O Liverpool terminou a sua preparação visando o início da temporada na Premier League com uma vitória por 3 a 1 sobre o Torino, com uma boa apresentação da equipe. Jogando em casa pela primeira vez na temporada, o time comandado por Jürgen Klopp pareceu estar à altura das expectativas criadas durante todo o período de pré-temporada. Com boas contratações, o elenco parece ter mais opções, o time teve boa apresentação tecnicamente.

PATROCINADO: Quem será capaz de desbancar o Manchester City na Premier League?

A pré-temporada termina com nove jogos, sete vitórias, 27 gols marcados e oito sofridos. Mais do que os números, o time teve bons jogos contra adversários fortes, que é o mais animador pensando nos desafios do time na temporada. Depois de ser vice-campeão da Champions League, o time espera ser mais forte para buscar também a ponta da tabela na Premier League. Na temporada passada, o time ficou muito longe do campeão Manchester City, terminando em quarto lugar, uma posição que só garantiu na última rodada.

Chegaram jogadores importantes. No gol, Alisson chega para suprir uma carência de muitos anos nos Reds. Custou caro, € 62,5 milhões, mas chega com uma temporada estelar na Roma no seu currículo, especialmente na Champions League. Outro brasileiro chegou ao time, sendo o primeiro a ser contratado: Fabinho, ex-Monaco, de 24 anos, que chegou por € 45 milhões. Além dele, chegou também Naby Keita, este vindo do Red Bull Leizpig, por € 60 milhões. Por fim, chegou também Xherdan Shaqiri, que fez boa temporada pelo Stoke em 2017/18 e fez boa Copa do Mundo pela Suíça. O atacante de 26 anos chegou por uma quantia baixa para os padrões atuais, € 14,7 milhões.

Todos eles estiveram em campo no amistoso contra o Torino. Alisson foi pouco exigido e, assim como aconteceu na seleção brasileira, uma das poucas bolas que chegou ao gol foi indefensável, uma cabeçada de Belotti que resultou em gol dos italianos. No mais, Fabinho fez uma boa parte, em que pese que o brasileiro teve a chance de abrir o placar de pênalti e acabou desperdiçando, chutando para fora. Ele formou o meio-campo com Naby Keita, com Jordan Henderson no banco. O inglês veio da Copa e só se apresentou aos treinos nesta semana, então foi poupado em parte do jogo.

O primeiro gol saiu de uma jogada que se repetiu muitas vezes na temporada passada. Salah desceu pela direita, driblando os adversários e abriu para o lado esquerdo, onde estava Roberto Firmino. O camisa 9 do Liverpool puxou para dentro e chutou. A bola desviou e acabou tirando o goleiro Sirigu da jogada: 1 a 0.

Aos 24 minutos, o Liverpool conseguiu ampliar em mais uma jogada envolvendo Salah e Firmino. Só que desta vez o egípcio foi quem amaciou a bola, tocou para o brasileiro, que encontrou o meia Georgino Wijnaldum em um lindo passe. Dentro da área, o holandês, que veste a camisa 5, tocou por baixo e marcou o segundo gol. O Torino ainda diminuiu o placar aos 30 minutos, com Belotti recebendo um cruzamento dentro da pequena área, vindo da direita, e dando uma cabeçada forte.

O segundo tempo, como era de se esperar, teve dois times com muitas mudanças em campo já no intervalo. Foi então que dois jogadores do banco mostraram que poderão ser muito úteis para o time. Shaqiri, atuando pela ponta direita, fez uma bela jogada para colocar na cabeça de Sturridge, que se movimentou muito bem para tocar levemente de cabeça, desviando para marcar 3 a 1.

Shaqiri e Sturridge foram dois jogarem que brilharam na pré-temporada e podem ser fundamentais para as pretensões do time de Anfield. A falta de um elenco melhor pour vezes custou caro ao Liverpool. Nenhum dos jogadores de frente tinha substituto à altura, o que culminou em uma queda sempre que qualquer um dos jogadores precisava sair de campo. Solanke, o reserva de Firmino como centroavante, não se firmou nas chances que teve. Sturridge é um jogador experiente, que pode fazer bem o papel e é um jogador móvel, como se adequa mais ao Liverpool. Shaqiri pode atuar pelas duas pontas, o que serve como alternativa para os jogadores de ataque.

O Liverpool estreia na Premier League no domingo, contra o West Ham, às 9h30 (horário de Brasília, com transmissão da ESPN Brasil).