Em entrevista publicada nesta quinta no diário Gazzetta dello Sport, Massimo Moratti, dono da Internazionale, revelou a possibilidade de vender o clube. O dirigente demonstrou estar desiludido com os acontecimentos desta semana, quando os torcedores chegaram a agredir Cristiano Zanetti no aeroporto de Malpensa.

“Assumi este clube por paixão, e ela dá a linha que devo seguir. Por que opor-se [a vender o clube] se alguém pensar que pode fazer melhor e deseja isso? Não quero ocupar território, e é justo contemplar a possibilidade de vender, mesmo sendo esta uma escolha dolorosa. Se houver alguém que compre, eu vendo”, explicou Moratti.

A Inter está há onze anos sob o comando de Moratti. Porém, a torcida se revoltou com a eliminação da Liga dos Campeões para o Villarreal, e passou a ofender os jogadores. Após a partida contra a Udinese, pela Copa da Itália, os torcedores chegaram a agredir Zanetti no desembarque no aeroporto de Malpensa.