O Milan anunciou nesta terça-feira a contratação do meio-campista Timoué Bakayoko, de 23 anos, em empréstimo por uma temporada vindo do Chelsea. O francês foi uma das contratações dos Blues na temporada passada, mas seu desempenho foi bastante decepcionante. Sem espaço no Chelsea, foi permitido o seu empréstimo para o Milan, que terá opção de compra de € 40 milhões. E uma aposta interessante do Milan, que gasta apenas € 5 milhões pelo francês que mostrou potencial atuando pelo Monaco.

LEIA TAMBÉM: Destaque na Copa, Cheryshev se une a Gameiro e Batshuayi como bons reforços do Valencia

Bakayoko atuava como meia central de uma linha de quatro no meio-campo do Monaco. Pode atuar também como primeiro jogador de marcação no meio, posição que ele concorreu com N’Golo Kanté no Chelsea – e isso explica, em parte, por que ele não conseguia jogar. Quando teve chance de entrar em campo pelos Blues, acabou decepcionando, errando demais e, pouco a pouco, ficou de lado. A chegada de Maurizio Sarri no clube inglês não melhorou a sua situação. Com Jorginho contratado pelo Chelsea, além de Mateo Kovacic, que ainda não estreou.

No Milan, ele chega em uma posição que o Milan tem apenas Lucas Biglia como uma boa opção. Mais do que isso, que o técnico conhece muito bem: Gennaro Gattuso. É um jogador que terá espaço no time do Milan para tentar resgatar o futebol que o colocou como um dos bons nomes daquele time do Monaco campeão francês.

O meio-campista aumenta a lista de contratações do Milan, que já teve Mattia Caldara (€ 35 milhões), Gonzalo Higuaín (€ 18 milhões pelo empréstimo mais opção de compra), Pep Reina, Ivan Strinic e Alen Halilovic, estes três de graça. É o que a direção rossonera está chamando de novo Milan. Bakayoko é uma opção interessante para reforçar o clube gastando pouco, a princípio, e que tem potencial de jogar muito mais do que se viu na temporada passada.