O DC United segue em uma corrida de recuperação na MLS e teve uma vitória fantástica neste domingo à noite. Diante da sua torcida, em um dos muitos jogos atrasados que o time tem para fazer, enfrentou o badalado Atlanta United, até então o melhor time da liga. E com uma grande atuação de Wayne Rooney e também de Luciano Acosta, o time de Washington venceu por 3 a 1 e segue cada vez mais perto de alcançar os lugares que dão um lugar nos playoffs.

LEIA TAMBÉM: The Best 2018 tem Modric, Ronaldo e Salah como finalistas no masculino e Marta no feminino

Rooney foi crucial. Foram duas assistências, além de um gol marcado, de pênalti. E mesmo no gol de pênalti, foi ele que armou a jogada, dando o passe para o jogador que sofreu a falta dentro da área. Ele e Luciano Acosta, que marcou dois gols com passes do inglês, mas também indo muito bem na jogada individual e finalização, deram uma vitória que foi crucial para a campanha do time. Foi também a avaliação do capitão Rooney.

“Foi um resultado enorme para nós”, afirmou Rooney. “Com Montreal vencendo também ontem… Não era uma partida que tínhamos obrigação de vencer, mas era quase isso, quase sentia assim. Eu lembrei dos jogadores no intervalo, que nós estávamos em posição de conquistar os três pontos, e os rapazes responderam bem a isso. Foi uma grande vitória para nós”.

Além de ofensivamente ter contado com uma grande noite de Rooney e Acosta, o DC United conseguiu impedir que Josef Martínez marcasse um gol pela primeira vez em 10 jogos. Um jogo depois do venezuelano ter quebrado o recorde de gols na temporada regular da MLS, contra o Orlando City, alcançando 28 gols. Não foi desta vez que o atacante ampliou a sua marca. O atacante só teve uma chance clara de gol, mas desperdiçou.

Com a derrota, o Atlanta United foi ultrapassado pelo New York Red Bulls na disputa do Supporters’ Shield, o prêmio de melhor time da temporada regular. Os nova-iorquinos pularam na frente com 55 pontos, um a mais que o Atlanta, mas com um jogo a mais. Por pontos perdidos, o Atlanta segue em vantagem – se vencer o seu jogo a menos, volta à ponta.

Acosta, o outro destaque do DC United, marcou seis dos seus sete gols na temporada depois da chegada de Rooney. Não é por acaso. “Eu disse para ele algumas vezes que ele deveria ter chutado e ele não fez isso”, afirmou Rooney. “Eu continuo perguntando para ele depois dos jogos quantos gols ele marcou e eu acho que ele está começando a gostar de marcar gols. Você pode isso de novo nesta noite. Duas grandes finalizações dele. Às vezes não é fácil na posição dele. Mas ele é um jogador fantástico”.

O DC United chegou a 30 pontos em 25 jogos. Está em sétimo lugar na tabela, ainda perseguindo um dos seis primeiros colocados na tabela. O sexto atualmente é o Montreal Impact, que tem 36 pontos, mas em 28 jogos, três a mais que o DC United. Por isso, a caminhada do time da capital segue. O time de Washington teve vários jogos adiados do começo da temporada porque o seu estádio, que estreou em 2018, ainda não estava pronto. Por isso, ficou com jogos a menos, que tem tirado pouco a pouco.

Com Rooney e Acosta jogando tão bem, o DC United é um candidato forte a chegar aos playoffs. E, mais do que isso, a causar um impacto também na pós-temporada.