Segurar seus principais jogadores na lua de mel dos meses seguintes ao título inglês já não foi uma missão fácil para o Leicester. Kanté foi para o Chelsea, Vardy esteve próximo do Arsenal e Mahrez precisou ser convencido a ficar. Agora, sem uma vaga na Champions League para barganhar, o 12º colocado do Campeonato Inglês não deve conseguir manter quem quiser ir embora. E o meia-atacante argelino deve ser o primeiro deste trem, depois de ter informado publicamente a diretoria que quer ser negociado.

LEIA MAIS: Mesmo sem taça, dono do Leicester doa £1 milhão a universidade para pesquisas em medicina

Mahrez é o jogador mais cobiçado do elenco do Leicester. Mais jovem que Vardy (26 anos contra 30), está próximo do auge físico e técnico e foi o craque do clube na campanha fantástica da Premier League de 2015/16. O ex-técnico das Raposas, Claudio Ranieri, contou que precisou conversar com ele e o atacante inglês para mantê-los no clube, ano passado. “Eu disse: ‘Começamos um conto de fadas e podemos continuá-lo porque acredito que esse time pode fazer algo bom na Champions League'”, afirmou o italiano em entrevista à Sky Sports, pouco depois da sua demissão.

Mahrez ficou e, como todo o resto do elenco, não teve uma primeira metade de temporada tão boa quanto a anterior, quando foi eleito o melhor jogador da Premier League e contribuiu com 17 gols e dez assistências para a conquista do título. Sua produção caiu vertiginosamente em meio aos problemas das Raposas: apenas seis gols e quatro assistências no Campeonato Inglês, mais quatro tentos e dois passes decisivos na Champions League. Mesmo assim, é um meia-direita que caberia em muitos clubes com altas ambições na temporada.

“Pela grande admiração e respeito que tenho pelo Leicester, eu gostaria de ser completamente honesto e transparente e, portanto, informei ao clube que está na hora de ir embora. Sou muito ambicioso e chegou a hora de uma nova experiência”, afirmou, em seu comunicado. “Eu tive boas conversas com o presidente no último verão e concordamos naquele momento que eu ficaria por mais A relação que compartilho com o clube e nossos maravilhosos torcedores é algo que eu apreciarei para sempre e realmente espero que entendam minha decisão”.

Quem fica com Mahrez? Além do Barcelona, Tottenham, Monaco e Arsenal chegaram a ser ligados ao meia argelino e será interessante ver sua habilidade encaixando em equipes com estilos de jogo diferentes do Leicester.